quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Má Companhia

Hoje correndo pelos campos de girassóis
Ao longe te vi
Tu estavas, perfeito
Senti um grande desejo
Quero ver-te esta noite, nem que seja só por um instante.

Quero tocar em tua pele,
que me faz arder em chamas.
Quero muitas coisas fazer contigo.
Quero que me faças sua escrava do prazer.

Quero que o teu desejo me use,
Porque me deixarei ser usada.
Deixarei a janela aberta ao chegar da noite.
Venhas, não hesites.

Pois à noite, todos estão por aí...
Cada um procurando alguém para lhe completar
E tu me completas em todos os sentidos.
O que estarão falando de nós esta noite?
Não me importa.
Eu serei a tua má companhia esta noite.
E tu serás o meu gozo eterno.
O auge do meu prazer.

Autora: Uiara Rosiene Melo

Nenhum comentário:

Postar um comentário